Search
domingo 22 setembro 2019
  • :
  • :

HOMENAGEM IN MEMORIAN

Vereadora Lindolene Lima de Andrade faz homenagem a professora Maria José Sousa Simas, “Zezé”, in memorian

Na primeira sessão ordinária da Câmara, realizada nesta sexta-feira (23/2), a vereadora Lindolene, manifestou profundo pesar e pediu um minuto de silêncio pelo falecimento da professora Maria José Sousa Simas, carinhosamente conhecido pelos monçonenses por “Zezé”, ocorrido no dia 15 de fevereiro.

Na homenagem foi lembrado o belo trabalho na área educacional, exercido pela professora na cidade de Monção. Os vereadores se uniram ao seu pesar e manifestaram profundo respeito à família da professora Maria José, rogando a Deus que traga conforto aos corações enlutados.

MENSAGEM

“AGRADECIMENTO À PROFESSORA ZEZÉ SIMAS, por Lindolene Aragão”

Maria José Sousa Simas nasceu em 24/08/1932. Nesta data se comemora o dia da infância, o dia de Bartolomeu e o dia dos artistas. Sua infância não foi nada fácil, pois perdeu a mãe aos 06 meses de vida e foi morar com seus avós maternos na cidade de Pindaré; não demorou muito seus avós faleceram e nossa professora foi morar em Santa Inês com sua tia Nelza Bastos. Alguns anos depois mudou-se para a cidade de São Luis onde cresceu, estudou e se formou. Bartolomeu foi um discípulo de Jesus e como todo discípulo, tinha a função de pregar o cristianismo, com isso sua trajetória não foi fácil pois também passou por várias cidades. E por fim dia 24 de agosto também se comemora o dia dos ARTISTAS, para os quais encontramos várias definições, sendo uma palavra que defino a Professora Zezé, como uma artista na educação porque recebeu o dom da arte de ensinar.

Em 1957 retornou a Monção, já formada, e começou sua trajetória na educação.

Dona Zezé casou-se com Benedito Simas e teve 06 filhos, dos quais dois já estão na morada do Pai; teve 05 netos e 1 bisneta que não teve o prazer de conhecer porque ainda está no ventre de sua mãe.

A palavra que expressa a admiração, respeito e carinho por dona Zezé é AGRADECIMENTO.

Agradeço a você pela paciência, pela partilha de conhecimentos, pelos ensinamentos para a vida. Você não somente me ensinou matérias. Você me disciplinou e me aconselhou, você gerenciou atividades, planejou meu futuro e principalmente me fez formadora de opiniões. Você me fez pensar, refletir, colocar as ideias no lugar. O que seria de mim sem os seus ensinamentos, que aliado com os dos meus pais, me formaram personalidade do bem.

Professora, você não será esquecida, será lembrada com carinho e ternura. O saudosismo sempre é válido em se tratando de professores.

Sou grata e honrada por ter sido sua aluna, pelos ensinamentos que colhi e pela certeza de contribuição árdua dessa profissional para mudanças significativas e cumprimento de frase tatuada na nossa bandeira: Ordem e Progresso. Professora Zezé também representa uma estrofe do hino Monçonense “TEUS HOMENS PIONEIROS SEMPRE DERAM PROVA DE GRATIDÃO E DEIXARAM PARA OS REMANESCENTES UM EXEMPLO DE GRANDE LIÇÃO”. Você foi pioneira e eu sou exemplo dessa grande lição.

De um coração generoso, dedicado e bondoso, Deus a chamou no último dia 15 de fevereiro para estar a seu lado. 86 anos de uma vida ímpar para todos que a conheceram e viveram ao seu lado.

Com carinho,
Lindolene Lima de Andrade. Vereadora.